Páginas

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Aluga-se um corpo oco.

Rouco, esqueço de gritar meu verso,
Alugo baratinho o corpo oco,
A capa é reciclavel.
A embalagem retornável.
Alugo baratinho um corpo.

8 comentários:

Reflexo d Alma disse...

Poeta Eterno,
esses versos me remeteram
a estes outros

"Pra falar verdade, às vezes minto
Tentando ser metade do inteiro que eu sinto
Pra dizer às vezes que às vezes não digo
Sou capaz de fazer da minha briga meu abrigo (…)”
e tambem....

Enchendo a minh'alma d'aquilo que outrora eu deixei de acreditar

O Teatro Mágico
Bjins

Dilberto L. Rosa disse...

Hoje aluga-se tudo mesmo, não? O primeiro verso já é, em si, um pequeno poema, tenho um poema de um verso só (que faz parte de uma trilogia) quase assim, ainda te mostro! Abração!

Sim, sou eu mesmo o Dilberto L. (Lima) Rosa dos textos dos Morcegos, ré, ré, ré!

Canto da Boca disse...

Que coisa mais "lispectoriana", tem um poema da Clarice, que se chama: Procura-se! Nao sei porquê eu fui arremessada a ele, a partir da leitra do teu anúncio de aluguel...
Beijo.
;)

Menino-Homem disse...

rouco de vida
corpo oco
não ressuscita...

abraços,
e aqui é sempre "pensar além".

Menino-Homem disse...

meu pensar além?
boa pergunta...

é quando o limite é violado, o vinho não embriaga sozinho, e sonhos podem ser sonhados sem precisar dormir...

estou além agora, com esta indagação...rs

abaços,

passamospor77 disse...

meus escritos são meio que pra mim mesmo, uma forma de organizar meus próprios pensamentos e impressões, não tenho a pretensão de ser um crítico formador de opinião, eu só comento o sobre o filme, não vou facilitar a vida de ninguem pra baixar ele, não sei como faz isso

Dilberto L. Rosa disse...

E tem poesia pura nos Morcegos: vá lá!

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

Desde mis BLOGS:

--- HORAS ROTAS ---

y

--- AULA DE PAZ ----

quiero presentarme

en esta nueva apertura

del eminente otoño.

Tiempo que aprovecho

ahora para desear

un feliz reingreso en

la actividad diaria.

Así como INVITAROS

a mis BLOGS:

--- HORAS ROTAS ---

y

--- AULA DE PAZ ----

con el deseo de que

estos sean del agrado

personal.

Momentos para compartir

con un fuerte abrazo de

emociones, imaginación y

paz. Abiertos a la comunicación

siempre.


afectuosamente :
POETA ETERNO






--- Te sigo tu blog:
SUBLIMAÇO DE PENSAMENTOS ---



jose

ramon…

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin